Aprendendo sobre a Wikimedia na América Latina e no Caribe

Com 8% da população global e 9% das pessoas do mundo que usam a internet, a região da América Latina e Caribe foi uma das primeiras áreas do movimento que começaram a colaborar conjuntamente com um foco regional. Esta região nos ensina muitas lições sobre como podemos coordenar melhor em conjunto em uma região.

Sessões de Aprendizagem

Somos todas e todos parte de um movimento global que cobre regiões, línguas e comunidades. Neste ano, como parte do Plano Anual da Fundação Wikimedia, nós iniciamos um foco em trabalho regional como parte dos próprios compromissos da Fundação com o advento da equidade de conhecimento e com o apoio à estratégia do movimento. Este foco regional permitirá à fundação entender melhor as necessidades locais e as tendências regionais como parte do nosso trabalho.

Nós lançamos esta abordagem no começo deste ano fiscal melhorando nossa coordenação em um nível regional. Equipes da fundação trabalhando nas regiões e firmando parcerias com comunidades locais agora se debruçam mais intencionalmente em torno da definição do impacto que podemos ter juntas e juntos em diferentes regiões do mundo.

A cada trimestre, nós nos encontraremos para discutir tendências regionais e históricas e atividades de pessoas voluntárias individuais, Capítulos, Grupos de Usuários, Organizações Temáticas e organizações parceiras no ecossistema do conhecimento livre. Estas sessões são um importante check-in como parte do nosso Plano Anual, e olham para o trabalho planejado por várias equipes na Fundação para priorizar e alinhar recursos para resultados focados e parcerias mais impactantes.

Aqui estão nossos aprendizados para a América Latina e Caribe.

Wikimedia na ALC

Afiliados

A comunidade latinoamericana e caribenha tem desenvolvido projetos por mais de uma década. Em números, os 42 países na América Latina e Caribe representam 38 mil pessoas editoras ativas únicas, 7% do total global. Ainda há espaço para crescer e trazer uma representação mais diversa à região.

A região tem cinco capítulos e oito grupos de usuários. Outros grupos de usuários (não afiliados) também atuam na região. Anteriormente, a região já sediou seis conferências ibero-americanas e foi uma das primeiras a falar de trabalho regionalizado.

Neste ano, o Wiki Movimento Brasil sediou o WikiCon Brasil, a primeira conferência nacional da comunidade brasileira de wikimedistas. O tema da conferência foi “Wikimedia contra a desinformação,” e ele foi escolhido pela comunidade por conta da relevância desta discussão, especialmente no Brasil, que tem sofrido por um tempo com a circulação de notícias falsas e conteúdo enganoso.

Celebrando liderança na região

A Wikimania é a conferência anual do movimento Wikimedia que celebra projetos de conhecimento livre propiciados pela comunidade voluntária. Neste ano, nós celebramos a liderança de duas mulheres notórias.

Olga Paredes, coordenadora do Wikimedistas da Bolívia, foi homenageada como A Wikimedista do Ano por seu trabalho acima da média em ensinar e encorajar outras pessoas a expandir o movimento Wikimedia e realizar contribuições significativas para a nossa soma de conhecimento.

Anna Torres, diretora executiva da Wikimedia Argentina, foi homenageada com a Menção Honrosa por seu trabalho mentorando inúmeras pessoas em um nível regional e global e também sendo uma líder na Estratégia de Movimento 2030

Trabalhando de forma conjunta na Região

No ano passado, a Fundação liderou uma iniciativa chamada Primeiro dia personalizado. O marketing da experiência de novatos foi parte desta iniciativa, e eles testaram a eficácia de anúncios em redes sociais (trazendo as pessoas para nossos projetos) e de e-mails de boas-vindas (retendo novas pessoas usuárias). Prosseguir com as boas-vindas a novas pessoas na região continuará a ser uma área prioritária de trabalho.

Outro projeto parte desta iniciativa foi o projeto Adicione uma imagem, incluindo quatro eventos GLAM com profissionais de museus intensivamente usando a ferramenta de “adicione uma imagem”. Isto envolveu dois eventos na Argentina, um no Chile e um no México. Ao longo dos eventos, 67 pessoas adicionaram imagens a 278 artigos sem imagens na Wikipédia em Espanhol.

Além destes programas pilotos em projetos Wikimedia, parcerias e outras colaborações propiciaram caminhos importantes para desenvolver novas habilidades e apresentar novas pessoas aos projetos Wikimedia. Em 2022, a Wikimedia Argentina, com o apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento e a Fundação Wikimedia, realizaram o curso “Habilidades do Século XXI em Ação: Cidadania Digital e Projetos Wikimedia”, focado no desenvolvimento de habilidades de vida e cidadania digital por meio dos projetos Wikimedia. Este curso foi oferecido de graça para 216 jovens latinoamericanos de 18 países na região, dos quais 74 (44 mulheres e 30 homens) completaram o curso e aprenderam como usar os projetos Wikimedia como ferramentas para buscar informação e reduzir lacunas de conteúdo e aprendizagem relacionadas à cidadania digital.

Além disso, pela primeira vez na região, um programa de estágio foi realizado para fortalecer as experiências de aprendizado das dez pessoas de mais destaque do curso. Elas colaboraram por três meses com capítulos do movimento Wikimedia na região, bem como com a equipe da Fundação Wikimedia.

Entendendo lacunas de representatividade e conteúdo na região

Lacunas de conteúdo na região são uma linha estratégica para o trabalho dos afiliados. Por esta razão, a região criou várias campanhas e recursos para preencher todas as lacunas na Wikipédia. Neste ano, o guia Wikipédia e biografias LGBTT+ foi publicado pela Wikimedia Argentina e ocorreu o concurso regional Pare! Mulheres Trabalhando, com 279 imagens de profissionais femininas no Wikimedia Commons. Aconteceu também este ano a palestra Descolonizando Dados Estruturais numa parceria do Wiki Movimento Brasil e a Whose Knowledge.

Apoio para o movimento

Ao longo dos últimos anos, a América Latina e o Caribe receberam cada vez mais financiamentos da Fundação. Isto é resultado da estratégia da Fundação Wikimedia de descentralizar recursos, especialmente em comunidades sub representadas.

Durante o ano fiscal 2021-2022, sob o relançamento global da estratégia de financiamento, a região da América Latina e Caribe receberam um aumento de 64% neste ano – indo de US$ 856 mil a US$ 1,4 milhão no ano fiscal 2021-22. Na América Latina e Caribe, 7 dos 13 afiliados (58%) candidataram-se a e receberam financiamentos.

Histórico de financiamento de 2015 a 2022, região da América Latina e Caribe

Os principais temas desses financiamentos foram focados em atividades sobre educação, cultura & patrimônio e diversidade. Por exemplo, o trabalho do WikiAcción Perú dedicado a expandir o movimento Wikimedia com um foco específico em ecologia, gênero e cultura, enfatizando a conexão com a natureza e a memória coletiva. Ou o trabalho liderado por um grupo de wikimedistas Wayúu de uma nação indígena que compartilha territórios da Colômbia e da Venezuela. Eles capacitam professores Wayúu pela Wikipédia e, ao mesmo tempo, contribuem para gerar conteúdo para enriquecer a Wikipédia süka wayuunaiki, que está na incubadora.

Apoio além do financiamento

Como parte da nova estratégia de financiamento, começamos esforços para usar dados para análise coletiva e espaços para reflexão, aprendizado e compartilhamento entre colegas. Muitos afiliados e grupos da comunidade estiveram ativamente envolvidos no programa de aprendizado entre colegas Let’s Connect. As três primeiras Sessões de Aprendizado lideradas pela comunidade foram lideradas por pessoas da região da América Latina e Caribe no México, Peru e Argentina, sobre planejamento organizacional, redação de propostas e estratégias de comunicação (recursos aqui). Em outubro, uma Sessão Regional de Aprendizado juntou 30 pessoas financiadas, integrantes do Comitê Regional de Financiamento e equipe para refletir sobre o impacto pretendido das pessoas financiadas na região.

Olhando para o futuro

Esta é uma região com a experiência de organizar iniciativas online durante a pandemia. O trabalho foi consistente nos últimos dois anos e sobreviveu à adversidade. Então, após uma pausa de três anos, a Iberoconf voltará em fevereiro de 2023. A conferência do ano que vem acontecerá em Bogotá, na Colômbia, e parte do objetivo será consolidar um modelo de governança regional alinhado com a estratégia de 2030.

Ajude-nos a aprender

Está faltando alguma coisa aqui? Deixe um comentário e conte-nos sobre o grande trabalho na região.

Notify of
0 Comments
Inline Feedbacks
View all comments